terça-feira, 26 de outubro de 2010

Lombra Estúdio - primeiros testes

Olá!

Como prometido, postamos aqui um primeiro teste de gravação no Lombra Estúdio. Trata-se de um trecho ao vivo da música "Dalai Lombra" que estará em nosso primeiro disco. São testes que faremos até realmente partir para a gravação da bolacha em si. Ainda temos uma defasagem de aparelhos, mas pra uma primeira idéia foi satisfatório.
A formação da gravação é: Eduardo Rodrigues: bateria; Bruno Almeida: sintetizador e percussão; Yraê de Araújo: guitarra e Zé Guilherme: baixo.

Por hora, fiquem com as primeiras expressões do Lombra.

Malditas Ovelhas! - Dalai Lombra (demo) by Malditas Ovelhas!

Até a próxima!

MO!
Eduardo

sábado, 23 de outubro de 2010

Lombra Estúdio - primeiros passos


Qual a idéia de independência das coisas que fazem parte da gente, do que expressamos
e como a conquistamos? A tal sonhada independência do seu trampo, da sua vida é um processo longo, penoso, que exige foco, amor e estar preparado para todas ocorrências possíveis.
Nossa independência (Malditas Ovelhas!) a cada dia parece estar mais próxima e paupável. No início do ano tivemos um proveitoso processo de aprendizado e vivência, que nos fez, por uma semana, baseado nos anos já vividos juntos, traçar metas e reconhecer que realmente queremos viver da e pela música. Concluímos que urgentemente tínhamos de iniciar o processo de gravação do nosso primeiro disco, já que nosso único registro até então, é uma demo meio frankstein lançada há dois anos com gravações ao vivo e em estúdio. Mas, de períodos e estúdios distintos, conosco co-participando de todo processo.


O primeiro passo para isso seria um homestúdio, montado com nossos próprios recursos e que nos faria mudar nossa maneira de compor, além de registrarmos independentemente nossa música, participando totalmente da produção e realizando um aprendizado mútuo, que retornará em forma de projetos futuros. Decidimos que toda grana que entrasse seria revertida em prol desse intuito, e desde o inicio do ano - depois de se estruturar basicamente - voltamo-nos para montar o Lombra (ou Lombriga) Estúdio. Equipamento básico comprado, necessário para fazer os primeiros testes e iniciar a pré-produção da primeira bolacha.
Esse post vem no sentido de mostrar algumas imagens do atual local onde se encontra o famigerdo Lombra, além um vídeo registrando o ambiente, que nasce itinerante e como braço de coisas importantes que tendem a ocorrer.

video

Conforme iremos gravando, postaremos aqui pra todos acompanharem o processo. Em breve, colocaremos nesse blog os primeiros registros/testes ocorridos.

Hasta!

MO!
Eduardo Rodrigues

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Enfim, acochados

Opa! Como vão todos?

Depois de alguns dias de uma boa ressaca devido as últimas apresentações, chegou a hora de colocar a casa, ou melhor, o blog em dia.
Vamos começar por uma parada orgânica que rolou há cerca de um mês aqui em SancaVice e que tende a se perpetuar pelos confins tropicais.
No dia 24 de setembro de 2010, colocamos pra funcionar um projeto audacioso e sincero reunindo nós (MO!) e os brothers aqui de Sanca do Aeromoças e Tenistas Russas em torno da música instrumental que nos une. O Projeto foi batizado de "Malditas Aeromoças e o Fator Acochativo". A apresentação do dia 24, início de tudo já valeu impressões do Programa Bluga e dos próprios Aeromoças em seus respectivos blogs.

Faltava o nosso. Com um atraso em decorrência de acúmulo de trampo, hoje vai nossa impressão de toda esse sinergia.

A idéia surgiu há tempos, essa reunião, vontade de unir forças aconteceu há cerca de uma ano logo no primeiro contato entre as bandas. Demorou um ano paraa idéia maturar e ser colocada em prática. Vanderlei Reis, um dos organizadores do já tradicional MACACO, que rola na USP aqui de Sanca, foi o agente motivador da parada. No inverno da cidade do clima, através de uma conversa, seguida de um email, veio o convite/desafio: unir as duas bandas numa só, com estrutura livre pra montarmos uma apresentação de cerca de 1 hora e meia que encerraria a a última noite do belo festival. Convite aceito, veibe boa, todo mundo querendo muito...bora trampar!!

Começamos com uma reunião pra elaborar e estruturar o projeto no final do mês de julho, e seguimos com os ensaios. Os locais em que MO! e A&TR ensaiam, não caberiam um big band com 9 pessoas: 8 ovelhos, 8 aeromoças e 1 marciano, já que YoungMan "Jovem" Palerosi, colou com a trupe para colocar seus samples e efeitos, somando qualidade ao projeto. Decidimos por ensaiar no "Japao", mas sem atravessar o mundo. O local de ensaio seria o estúdio do Massa Coletiva (assim denominado). Aconteceram cerca de 7 ensaios, onde os primeiros foram em forma de jam`s para cada qual se conhecer e partir de algo concreto. No início a "massa sonora" se colocou a frente, sem os instrumentos conseguirem dialogar muito. Depois de alguns ensaios a resenha melhorou e tudo soava bem. Foram escolhidas 1 música de cada grupo que seria tocada pela big band, e mais uma de cada grupo, que o outro rearranjaria. Pra iniciar a parada, escolhemos a faixa "Suco de Tangerina" do disco "Tne Mix Up" do Beastie Boys.

Tudo acertado, fomos ao grande dia. Muitos acochados no camarim, conversas, fumaças e biritas, chegou a hora! Subimos ao palco, pra estreiar um lance que tende ser duradouro. Ainda vamos estruturar melhor o projeto e botar pra fuder. Além desse, ano que vem outros projetos acontecerão. Um tal "Combo Noize" com rimas, está iniciando as conversas.

Aguardem!!! O "Fator Acochativo" perdurará.

Até a próxima!

MO!
Eduardo Rodrigues

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Independência ou Marte - A Festa

Buenas tardes, señor! Que tal?

No fim de semana que se inicia, acontece aqui em SancaVice a quarta edição do Festival Contato. Muitas atrações boas, oficinas, mostras, integrando artes e democratizando as ações por essas bandas. Ótima iniciativa da produção feita por estudantes e ex-estudantes da UFSCar.

Nos 3 dias de apresentações musicais na Praça Coronel Salles, ou "dos Pombos", acontece o Saia para Dançar. 3 festas integradas em bares de Sanca com atrações e estilos diversos. No sábado (09.10 - amanhã), numas das festas, no Armazem Bar, rola a "Independência ou Marte - a Festa". Festa tradicional do projeto/programa sinestésico da Rádio UFSCar. Pra essa ocasião especial abriremos a noite com muito respeito, amizade e admiração para os hermanos do Falsos Conejos, de la província de Buenos Aires. Depois de um ano da fantática vivência que tivemos com eles, passando 5 dias em "mansion oveja" eles retornam e passam, já deixando saudades, por Sanca, pra uma turnê de 40 shows por todo Brasil. Essa semana foi-se o início da longa jornada. Pra quem não conhece o som de los lokos, aqui está. Difícil rotular, definir..Eu não perderia.

A noite conta também com a discotecagem fina do Indepêndencia ou Marte, e tem produção do Circuito Fora do Eixo e do Massa Coletiva.
Tudo isso rola no Armazem Bar, a partir das 23hs.

Hasta luego!
MO!

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Cartaz Independëncia ou Marte - a Festa

Hola!

Abaixo segue o cartaz do reencontro com os hermanos, sábado aqui em SancaVice.


Amanhã escrevo sobre....

Hasta luego!
MO!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Cartaz I FEBAN

Como prometido ontem (ou antes de ontem..)como ainda não dormi hoje (terça!?!?) ta valendo. O cartaz do I FEBAN, confeccionado pelos caras dos Rélpis. Ficou bem psicodélico, deleite...


Amanhã (ou hoje) nos vemos na Morada.

Hasta! (pra já entrar na vibe)
MO!

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

I FEBAN

Dale galera!

Na próxima quarta (06.10) nos apresentaremos pela primeira vez no ano no berço do nosso nascimento. E além! Num festival de bandas da UNESP de Araraquara, o I FEBAN, organizado pelo Centro Acadêmico de Letras em parceria com coletivos, associações o SESC da cidade e o poder público.
Quando nos convidaram para a abertura do evento ficamos muito contentes e reconhecidos pelo nosso trampo de 4 anos. A UNESP, bem ou mal, fez nos conhecermos e se aproximar musicalmente, tanto que na atualidade deixamos o tempo de instituição e seu produto um pouco de lado pra emergir no aprendizado e evolução musical, e de vida também...como escolha os timbres e tons para o amanhã...

O evento de abertura do I FEBAN conta também com a apresentação da banda araraquarense Os Rélpis. Com um sincretismo de psicodelia e música rural promete fechar bem a noite de abertura. Os Rélpis iniciam a apresentação as 22hs. A nossa começa as 21hs pra chacoalhar os grandes amigos de Araraquara.
O festival continua na quinta com a apresentação de nossos grandes hermanos dos Falsos Conejos, banda instrumental que está em turnê pelo Brasil e passa por mais de 5 estados. Pra quem não lembra, ano passado e se apresentou pelas bandas de cá, além de se hospedarem em nossos aposentos/novelos.

Fica o toque. Queremos todos amigos pra ajudar na vibe da apresentação, já que é primeira do ano lá na Morada do Sol.

Até a próxima!

MO!

ps: amanhã, prometo que posto os cartazes. a memória jamaicana sempre recorda sua existência