sábado, 19 de fevereiro de 2011

Próximas apresentações

Amanhã (ou hoje - fim do horário de verão...) pela manhã estamos de partida para duas apresentações para iniciar bem a semana que se aproxima. Rumaremos em direção a Franca (terra do Bruno - MO!) - quase Minas - onde no fim de tarde da segunda-feira (21.02) nos apresentamos na recepção dos alunos da UNESP. Primeira vez na city, morada de nossos grandes amigos do Projeto Paiero. A recepção fica por conta nossa e da banda Atmosfera Lunar, da própria Franca, tudo de grátis!. Os caras começam as 17h30 e quando o sol estiver baixinho, quase sumindo faremos a tocada. Tamo indo amanhã pra aproveitar uns dias de paz na beira de algum rio e de trocas entre nós e com outrem. Quem estiver por lá, ou nas adjacências, bora colar!!


Na terça atravessamos uma parte do Estado pra colar em Bauru, onde passamos no no de 2008 pra dois shows. A primeira edição do Cena Musical Independente - mostra da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo e numa república onde o azulejo da cozinha até caiu. A festança será na República Sassanid, denominada "Welcome the Jungle" e também recepção pra galera que chega pra mais um ciclo. A noite começa as 23hs, e além de nós tocam as bandas Punky Brewsters e Rave Black Tie. A entrada antecipada é R$3,00 e na hora R$5,00. A noite promete ser de encontros, já que Leandro Cruz, antigo morador da Sassanid, atualmente mora com o Malditas Ovelhas!. Quem sabe mais uns azulejos de Bauru não caem...


Aguardamos todos!

Abraço

Eduardo
MO!

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Fim de semana cheio

Na quinta passada, 10, começava mais um ciclo de shows, projetos e realizações. Ppegamos pegamos a estrada em direção ao centro nervoso, artístico, financeiro,...do país. A primeira parada foi em Santo André, uma das primeiras cidades surgidas nesse Brasilzão que estamos a descobrir em nossas andanças. A tocada foi no Tupinikim Bar, localizado no centro da cidade e que vem se destacando nas atrações que tem levado. Por ser uma quinta o bar não estava tão cheio, mesmo assim fizemos um show consistente tentando driblar todos os problemas técnicos existentes na casa: falta de amp´s, batera e som apenas no retorno. Como acontece em todo local que tocamos, sempre tem "uns doido" que acabam pirando e curtindo até mais que a gente. Foi o que aconteceu mais uma vez!


Na sexta, era a vez da "capitar". A Lapa, zona oeste de Sampa, nos esperava pra fazer parte das primeiras apresentações do pico. O Fábrica Lapa, que também é estúdio nos recebeu muito bem pra um show muito massa. Com backline a parada rola de outro jeito. Muitas experiências também foram trocadas, pois estamos montando nosso estúdio, o Lombra Estúdio que captara as brisas de nossa primeira bolacha.


O bom de tocar em Sampa também é sempre reencontrar os amigos. Foi o que aconteceu sábado. Nos arredores da Teodoro Sampaio, paraíso e ao mesmo tempo inferno dos músicos, uma tarde muito agradável foi passada com velhos amigos: amores, amp's, cervejas, sedas, etc. O pacote é sempre grande...Prontos para retornar a SancaVice pois domingo era trampo de novo. "O que que rolaa?":


Ontem, estavámos nós de novo no estúdio do Massa Coletiva. Mais uma vez, dando luz aos domingos lá fomos nós no microndas new school: nós, <span style="font-weight:bold;">Aeromoças e Tenistas Russas, SubLoco Coletividade e Yougman ativando o SubLoco e o Fator Acochativo, que a cada domingo se acocha mais e rodado com mais gosto nas mãos dos envolvidos. Dessa vez com o Fator Completo, "sensimilla", o SubLoco foi representado por Gaivota, Sandro e Ringo. Sempre no aprendizado m;utuo, o processo tá sendo muito doido, e em breve teremos um aperitivo do quem por aí.


Estou tentando desde a manhã adicionar um vídeo do ensaio, mas não tá rolando...Amanhã tento novamente.

E que sempre sejam assim!

Abraços!

Eduardo
MO!

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Santo André e Sampa

Iniciando bem um mês de apresentações e projetos que cada vez mais se alavancam, amanhã, quinta, estaremos pela primeira vez na cidade de Santo André (já nos apresentamos em Paranapiacaba, localidade santoandreense, porém de vibe direfente). Aportaremos no Tupinikim Bar, bar que vem se destacando há um tempo por levar a região do ABC(D,E,M...)o melhor da música independente brasileira. O aconchegante Tupinikim, fica na Rua das Monções, 585 no Bairro Jardim. A casa abre as 21hs. Por volta de 0h30 "piscodelicaremos" o pico. A entrada é R$10,00.


Na sexta, 11.02, rumamos pra nossa Babilônia. Mais precisamente na Lapa, zona oeste de Sampa. Pela primeira vez por essas bandas, a tocada será no Fábrica Lapa, estúdio que no início do ano começou a realizar apresentações ao vivo. Tudo tem inicio as 21hs. Tudo, pois começamos a apresentação por volta das 22h30 e depois, por volta da 0h00 a noite com prossegue com um DJ da casa. Que entrar até as 23h30, ganha uma cerveja. A entrada também é R$10,00 e o Fábrica localiza-se na Rua Clélia, 1745, Lapa.


Vamos chega galera!! As noites, prometem!!

Abraço

Eduardo
MO!

ps: Ambas artes dos cartazes são de Yraê de Araújo

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Mais uma do SubLoco e o Fator Acochativo

Hoje, 06.02, rolou mais uma ensaio no estúdio do Massa Coletiva do projeto SubLoco e o Fator Acochativo, que reúne nós, Aeromoças e Tenistas Russa e Youngman do Independência ou Marte. Pra esquentar um pouco mais o som e o estúdio, mais dois Sublocos se somaram-se ao bolo: Gaivota e Ringo.


No primeiro ensaio, trabalhamos duas músicas e mais o início de um tema, uma jam session com frestyle que pode ser conferida no vídeo abaixo:

video

Estamos com 5 faixas encaminhadas, e a cada dia mais a parada tende a fluir mais massa.
Vida longa ao SubLoco e o Fator Acochativo!!

Hasta luego!

Eduardo
MO!